segunda-feira, 1 de junho de 2015

Encontro com a liberdade

Estava em algum lugar
E vi alguém passar,
Sem soluços percebi que chorava,
Como uma criança atormentada;

Parou quieto em um canto
Sem perceber ninguém em sua volta,
Nem que eu estava o observando;


Percebi que algo o angustiava,
E que gritava para ter uma liberdade,
Que muitos têm e não sabem,
E fingem que as coisas estão normais quando estão usando apenas máscaras;

Cheguei perto para saber se precisava de ajuda,
Ou se queria apenas saber o nome da rua;

Tantas pessoas ali passando,
Sem saber o que realmente estava o torturando;
Aproximei-me com um sorriso,
E lhe disse que sabia tudo o que ele estava sentindo;

Falei que um dia todo esse vazio que tanto doía,
Ia ter um fim e que sempre que quisesse
poderia contar comigo;

Sabia que ele gostaria de expressar
Tudo aquilo que estava atrapalhando de respirar,
Era como se seus sentimentos estivessem presos em uma gaiola
Onde seus sonhos e a sua esperança tivesse ido embora,

Se melhorou, eu não sei,
Só que um dia desses eu o encontrei,
Com uma aparência totalmente mudada,
Gritando: eu encontrei a liberdade!


2 comentários:

  1. Oi Sara, gostei muito do blog, também tenho um, está no link: http://asenhoritadoslivros.blogspot.com gostaria muito de ter a sua visita, estou te seguindo.
    Você gostaria de fazer uma parceria para divulgação das páginas?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim sim, gostei muito da ideia estarei passando lá e te seguindo ^^

      Excluir

Oiii... obrigada pela sua visita ^^
Espero que tenham gostado do blog :D
Caso encontrou algum erro ortográfico avise que vai ser corrigido.
Volte mais vezes *_*

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...